5 motivos (+1) para ir a Cancún

1- Se esta a fim de mergulhar, Cozumel, uma ilha próxima de Cancún, é um ótimo lugar. Mas vá preparado: faça um curso de mergulho por aqui antes. Se não pretende descer tão fundo, aproveite com o snorkel mesmo. Assim como eu, você pode dar de cara com tartarugas marinhas, tubarões, arraias e uma infinidade enorme de corais - a segunda maior colônia, só perde para a Austrália. A cor da água é um espetáculo à parte.

2- Cancún é uma cidade que não dorme. Se você tiver pique pode aproveitar todo o dia, tomar um banho e sair para a balada. Tem para todos os gostos. A mais famosa é a famigerada casa de shows Coco Bongo (aquela que aparece no filme O Máskara). O valor da entrada é um pouco salgado, varia entre $40 e $60, mas todas as bebidas estão inclusas. Pois é, prepare o bolso - mas fique ligado: as baladas geralmente dão desconto num dia da semana.

3- Apesar da cidade ser sinônimo de lua de mel, tem muita gente atrás de "pegação". Nos hotéis é possível identificar facilmente grupos de amigos doidinhos para encontrar uma boca amiga, se é que posso dizer assim. Nas baladas, que geralmente são open bar, o povo dança, fica bêbado e se esfrega até dizer chega - se você já viu o programa Wild On, do canal E!, entende do que eu estou falando.

4- Sou totalmente contra ao abuso de animais, seja no circo, no zoológico, para tirar fotos etc. Mas devo confessar que pagar para estar com golfinhos foi uma das experiências mais emocionantes da minha vida. Eles têm uma energia diferente, que deixa a gente com cara de bobo... Não deixe de conhecer o parque Xcaret e dar um pulinho no Delphinus. É caro pra $*&@$¨¨% - sim, eles se aproveitam da magia dos bichinhos - mas você passa uma hora na água, participa do show, passa a mão neles... PS: Se algum amigo não quiser participar do show, peça para ele filmar e tirar fotos suas com os golfinhos. Você irá me agradecer depois, pode ter certeza - é preciso deixar praticamente um braço lá para comprar as fotos e o DVD deles, que não estão inclusos no preço do mergulho.

5- Gosta de culturas antigas? Visite Chichen Itza, considerada uma das novas 7 maravilhas do mundo. É uma viagem demorada, cerca de 3 horas de Cancún, mas poderá aprender coisas bem interessantes sobre a cultura maia. As ruínas são impressionantes e a pirâmide te deixará de boca aberta. Dica: procure saber se haverá um guia experiente acompanhando o seu grupo, senão o passeio pode se tornar "morno".

Especialmente para a mulherada
Se o melhor momento da sua viagem internacional é poder passar no Duty Free, Cancún é a cidade certa para você. Além de todos esses pontos positivos acima, todas as lojas de perfumes lá são livres de impostos. Antes de se aventurar pelos inúmeros shoppings da cidade, é melhor deixar o seu marido-ficante-amigo na piscina do hotel (a não ser que ele seja um zé-narciso, como o meu namorado). Também tem tênis e roupas de marca mais baratas e muitas, muitas lojas de prata.

3 comentários:

karina disse...

Oi Cris!
Vc poderia dar umas dicas sobre a sua viagem a Africa?
Bjim

Cristiane disse...

Karina, pode deixar comigo! Planeja ir para lá?
bjos

APMR disse...

Tudo o que você falou é a mais pura verdade. Fui em outubro de 2010 para Cancun, e fiz tudo o que você comentou! Fui com mais tres amigas, e criamos força para conhecer todos os principais pontos turisticos e ainda ir todas as noites nas baladas!
Como você disse, haviam muuuuuitos casais em lua de mel, mas assim como nós, encontramos diversos grupos de amigar afim apenas de curtir, cada um de um canto do mundo. Fizemos grande amizade com alguns Ingleses, outros australianos e muitos outros. Tudo o que você diz aqui neste post é verdade, tudo vale o investimento. Sobre as baladas, é possivel comprar com um promouter em alguns hoteis, o que facilita já que muitas vezes eles reservam mesas e ainda há um serviço de táxi!
Que saudades da minha viagem. foi perfeita! A combinação exata de beleza natural com a diversão noturna!